sexta-feira, 7 de janeiro de 2011



Sem você
Nas incertezas de um caminho
Que é tão doído sem você...
Eu já me encontrava tão sozinha
Antes de você dizer adeus...
Na mágoa de um sonho que acabou
Dia a dia eu sentia você partir
Sem rumo... perdida...
 vou ficando aqui, sem você...
Sem você...
Nem o tempo me faz companhia
Não me arranque essa agonia de viver sem você...
Sem você...
O silêncio dessas horas frias
São palavras que não sei dizer
Ainda amo você!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário