quarta-feira, 14 de julho de 2010


APENAS UM BRINDE

Garçom...
Não, não quero companhia
Hoje quero brindar sozinha
Só quero uma taça
Vou brindar a solidão.
Aos desafetos.
Aos amores incorretos
Aos desencontros
A tristeza de ver que dei muito
por tão pouco.
Aos anos que se foram e aos
que ainda virão.
Aos amores que se foram
deixando dores.
Aos supostos "amigos"
nos dias de glória.
Aos meus "especiais" que de mim
tanto dependeram e agora feitos,
me esqueceram.
Quero brindar a sua partida
que me desmoronou, mas
me tornou melhor.
Aos dias vindouros
Mas principalmente
Um brinde à
"Minha Pessoa"
Que apesar de ter vivido
tudo isso, continua inteira
   acredita no amor e
ainda sonha com o
amanhã.
Garçom...
Um champagne
por favor...

Nenhum comentário:

Postar um comentário